Como mapear o seu mercado no LinkedIn?

Muitas empresas ainda têm dificuldade em encontrar o seu mercado na internet.  Para isso, existem diferentes ferramentas e métodos que podem ser utilizados. O LinkedIn, por exemplo, é uma das melhores redes para isso. Mas como mapear o seu mercado no LinkedIn? Isso é o que vamos entender com mais detalhes neste post.

Além disso, confira também as dicas para ter sucesso no LinkedIn. No portal, Carolina Dostal dá as principais sugestões para ter uma rede social chamativa e que te traga grandes oportunidades. Fique sempre ligado às novidades do portal e tenha uma boa leitura! 

Caso também queira ter acesso a todo o conteúdo sobre o tema e outros conteúdos, assista também ao vídeo abaixo, e não se esqueça de se inscrever no meu canal, Carolina Dostal, para ficar sempre atualizado.

Use hashtags para mapear o seu mercado no LinkedIn

Não restam dúvidas de que as hashtags são o melhor caminho para encontrarmos nosso público-alvo no LinkedIn. Elas servem como uma ferramenta de conexão entre pessoas que buscam pelo mesmo assunto ou conteúdo. Além disso, acaba elencando o seu post em um conjunto de categorias, onde outros assuntos similares podem ser abordados.

As hashtags também ajudam a mostrar aos usuários o conteúdo mais relevante e a se conectarem a interesses comuns de nicho. Além disso, os usuários agora podem gerenciar suas hashtags como forma de controlar o que veem no feed de notícias, enquanto as páginas da empresa também podem se incluir a determinadas tags por meio do recurso ‘Hashtags da comunidade’, que permite que você publique e anexe o seu conteúdo em discussões relacionadas à sua área profissional.

Dicas para utilizar hashtags de modo eficiente

Como estamos falando especificamente sobre LinkedIn, entenda a seguir as principais práticas recomendadas na rede social, no que diz respeito ao uso das hashtags.

  • Use-as corretamente: ou seja, certifique-se de incluir o sinal # antes de qualquer palavra-chave ou frase. Evite espaços, pontuação, símbolos especiais ou emojis;
  • Utilize hashtags populares: aproveite também para utilizar tanto as hashtags populares como as de nicho (mais específicas) para aumentar a exposição;
  • Faça uma pesquisa: antes de incluir uma hashtag, digite-a na barra de pesquisa do LinkedIn para garantir que ela tenha um uso forte para conectá-lo aos públicos mais relevantes;
  • Utilize hashtags de nicho: tente ser o mais específico possível para aumentar a exposição.

Participe de grupos no LinkedIn

Os grupos do LinkedIn são uma ótima maneira de criar credibilidade para você e para a sua empresa. Você pode participar de até 50 grupos na plataforma. Eles permitem que você crie ou participe de fóruns de discussão sobre assuntos com foco nos negócios. Neles, você pode publicar informações que os membros achem valiosas ou úteis e, com o tempo, seu público pode crescer significativamente.

Existem mais de 2 milhões de grupos no LinkedIn. Por isso, encontre um grupo que seja do seu nicho, com ótimo engajamento e comece a participar das discussões. Grupos de empresas são um ótimo lugar para começar, pois geralmente têm mais recursos para gerenciar seus grupos com eficiência. A seguir, descubra as principais vantagens de participar de grupos no LinkedIn:

  1. Ideal para uma comunicação mais direta, específica e profissional com o seu nicho;
  2. Permite que você ganha mais influência no mundo corporativo;
  3. Contribui fortemente para o networking;
  4. Você fica mais atualizado e tem informações em primeira mão;
  5. Canal perfeito para feedbacks.

LinkedIn for creators

O Modo Criador é uma configuração nos perfis pessoais do LinkedIn para membros que criam conteúdo regularmente na plataforma. Ela pode ser uma ferramenta útil para ganhar mais seus seguidores, estabelecer uma presença na plataforma, construir uma comunidade e ser encontrado por outros clientes. De acordo com o próprio LinkedIn, houve um aumento de 50% nas conversas no ano passado porque os usuários estão criando mais conteúdo para compartilhar e construir conversas.

O Modo Criador está atualmente disponível para a maioria das contas do LinkedIn e você pode optar por ativá-lo em seu perfil. Quando você ativa o Modo Criador, ele muda a ordem das seções do seu perfil. Normalmente, a seção Sobre era posicionada acima da seção Em destaque. Mas quando você ativa o Modo Criador, a seção Sobre ficará abaixo das seções Atividade e Em destaque.

Muitas pessoas não sabem, mas os criadores de conteúdo possuem algumas vantagens. Vejam quais são elas a seguir:

  1. Eles possuem as informações mais atualizadas do LinkedIn;
  2. Têm novidades e acessos antecipados a todas as novas funcionalidades;
  3. Eles têm um canal aberto com o creator manager do LinkedIn, o funcionário do LinkedIn;
  4. Podem dar sugestões e muito mais, ou seja, é uma forma que o LinkedIn tem de entrar em contato com os usuários, pessoas que não trabalham no LinkedIn; para saber o que as pessoas estão achando das funcionalidades da rede, como eles podem melhorar. Uma preocupação que o LinkedIn tem em agradar cada vez mais o usuário final;
  5. Eles vão ter um acesso ao e-mail com os assuntos mais quentes, ou seja, o que está sendo mais falado na plataforma os criadores vão saber, isso já acontece nos Estados Unidos. Daniel Hoff faz Newsletter semanal onde fala quais são os assuntos mais quentes nos Estados Unidos. Então, eles estão criando isso para o Brasil, até para a gente entender quais são as pautas da semana.

O Modo Criador também mudará a aparência da sua seção Atividade para alguém que está visualizando seu perfil. Se o seu perfil não tiver o Modo Criador ativado, a seção Atividade mostra as quatro ações mais recentes que você realizou no LinkedIn.

Caso ainda tenha mais dúvidas sobre como deixar o seu LinkedIn mais atrativo, confira o meu curso que se chama Destrave seu LinkedIn. Ele está disponível no Hotmart. O curso te ajuda a encontrar o emprego ideal ou aumentar o número de vendas e serviços ofertados pelo seu negócio. 

Quer tirar o máximo de proveito do LinkedIn? Conheça meu curso online DESTRAVE SEU LINKEDIN.

Caso tenha alguma necessidade específica, entre em contato e agende uma consultoria.

Curtiu o assunto de hoje? Por isso, esperamos que você tenha gostado do conteúdo e não se esqueça: continue acessando frequentemente o site para que você possa ter acesso a todos os conteúdos disponibilizados na plataforma. Até mais! 

Conteúdo e revisão por Carolina Dostal      

Matéria escrita: Carlos Augusto Júnior