LinkedIn for creators / LinkedIn para criadores

Você sabe o que é ser um criador de conteúdo do LinkedIn? Conhece os benefícios e qual a importância de termos pessoas responsáveis pela criação de conteúdo da maior rede social profissional do mundo? Para entender mais sobre o assunto, confira tudo neste artigo. 

Neste portal, semanalmente você tem acesso às principais dicas para ter uma rede social ativa e que te traga grandes oportunidades. Fique sempre ligado às novidades do portal e tenha uma boa leitura! 

Caso também queira ter acesso a todo o conteúdo sobre o tema e outros conteúdos, assista também ao vídeo abaixo, e não se esqueça de se inscrever no meu canal, Carolina Dostal, para ficar sempre atualizado.

Atualmente, o LinkedIn possui mais de 800 milhões de usuários no mundo. Só no Brasil são 52 milhões de usuários. Como estratégia para convencer as pessoas a passarem mais tempo na plataforma com conteúdo de qualidade e interessante a um público específico, o LinkedIn começou a escolher algumas pessoas para serem criadores de conteúdo. Interessante, não é mesmo?

Afinal, o que significa ser um creator no LinkedIn?

Para que você entenda melhor como isso funciona, trazemos o exemplo de Marcelo Nóbrega, que possui um canal no YouTube chamado Você está Contratado, onde fala sobre RH, analytics em RH e diretoria de grandes multinacionais. 

Ao entrar no perfil de Marcelo, é possível observar que, abaixo do seu nome, existem algumas hashtags. Utilizar esse recurso faz parte do seu modo de criação. Assim, você consegue entregar o seu conteúdo a mais pessoas, que já curtem ou seguem aquela hashtag e terão interesse em consumir o seu conteúdo. Essa é realmente uma maneira de escalar o alcance dos seus posts no LinkedIn. 

Por que é tão importante utilizar hashtag no Linkedin?

As pessoas que desejam saber mais sobre o assunto que você está tratando vão ser direcionadas para o seu LinkedIn. Além disso, utilizar hashtag é muito importante, porque com tantas pessoas na rede, nem sempre elas desejam ficar a par de todos os assuntos.

Qual o lado bom de ser um criador de conteúdo no LinkedIn?

Muitas pessoas não sabem, mas os criadores de conteúdo possuem algumas vantagens. Vejam quais são elas a seguir: 

  1. Eles possuem as informações mais atualizadas do LinkedIn;
  2. Têm novidades e acessos antecipados a todas as novas funcionalidades;
  3. Eles têm um canal aberto com o creator manager do LinkedIn, o funcionário do LinkedIn;
  4. Podem dar sugestões e muito mais, ou seja, é uma forma que o LinkedIn tem de entrar em contato com os usuários, pessoas que não trabalham no LinkedIn; para saber o que as pessoas estão achando das funcionalidades da rede, como eles podem melhorar. Uma preocupação que o LinkedIn tem em agradar cada vez mais o usuário final;
  5. Eles vão ter um acesso ao e-mail com os assuntos mais quentes, ou seja, o que está sendo mais falado na plataforma os criadores vão saber, isso já acontece nos Estados Unidos. Daniel Hoff faz Newsletter semanal onde fala quais são os assuntos mais quentes nos Estados Unidos. Então, eles estão criando isso para o Brasil, até para a gente entender quais são as pautas da semana.

Quais tipos de conteúdos os criadores recebem com antecedência? 

Um bom exemplo disso são as comemorações do mês do orgulho, o novembro azul, o dia do médico e do advogado. Todas essas informações serão passadas para os criadores com bastante antecedência, até para ajudá-los a organizar o seu cronograma de conteúdo. 

As pessoas têm muitas dificuldades em relação ao que devem postar no LinkedIn. Então, com essa ajuda dos criadores, as pessoas vão conseguir se organizar melhor na produção de conteúdo para o segmento específico delas.

Os criadores terão maior probabilidade de ter alguns dos conteúdos destacados nos boletins diários do LinkedIn Brasil. Basta notar que no LinkedIn Notícias, posicionado na lateral do aplicativo, existe uma série de jornalistas e especialistas. Quando são assuntos de grande repercussão, eles fazem uns destaques nos boletins. Essas pessoas têm mais chances de ter os assuntos delas destacados e vão ter maior posição do perfil na sessão de recomendações para seguir.

O que o LinkedIn recomenda aos criadores? 

Em primeiro lugar, a plataforma incentiva os criadores a postarem de 1 a 3 vezes por semana e priorizarem muito a qualidade desses conteúdos.

Eles também são aconselhados a compartilhar a sua experiência profissional, também chamada de skills. Reagem às notícias da indústria de veículos que seguem. Compartilham a sua vulnerabilidade ou problemas que afetam a vida pessoal e profissional. 

Além disso, eles também se aprofundam em discussões do mercado, celebram aumentos e conquistas dos conhecidos, ou seja, elevam as pessoas com quem eles trabalham. Eles também pedem opinião do público para que essa rede seja cada vez mais colaborativa.

Quer tirar o máximo de proveito do LinkedIn? Conheça meu curso online DESTRAVE SEU LINKEDIN.

Caso tenha alguma necessidade específica, entre em contato e agende uma consultoria.

Curtiu o assunto de hoje? Por isso, esperamos que você tenha gostado do conteúdo e não se esqueça: continue acessando frequentemente o site para que você possa ter acesso a todos os conteúdos disponibilizados na plataforma. Até mais! 

Conteúdo e revisão por Carolina Dostal      

Matéria escrita: Carlos Augusto Júnior