O LinkedIn é realmente confiável? Posso confiar nos conteúdos publicados nessa rede profissional? Devo adicionar meus dados profissionais ao aplicativo? No artigo de hoje, responderemos as perguntas mais comuns sobre esse tema. 

Por isso, confira abaixo algumas dicas bacanas para você que deseja ter um perfil de sucesso no LinkedIn. Para ter acesso a todo o conteúdo sobre o tema, assista também ao vídeo abaixo, e não se esqueça de se inscrever no canal Carolina Dostal para ficar sempre atualizado.

Posso confiar no LinkedIn? 

Frequentemente, temos acesso a notícias sobre vazamento de informações na internet, como dados bancários, conteúdos sigilosos, documentos pessoais, dentre outros. Mas ao se tratar do LinkedIn, nós estamos falando sobre a confiabilidade dos conteúdos que temos acesso nesta rede. Eles realmente são de confiança? 

A pesquisa chamada “2020 Digital Trust Report Review” apresenta cinco fatores que estão diretamente relacionados com a confiança de usuários em 10 redes sociais. Veja os principais fatores que levam os internautas a confiar nessas redes. 

  • Segurança 

O primeiro fator que os usuários levam em consideração ao usar uma rede social é a segurança do aplicativo ou do site que eles estão usando. O fato de o site ser seguro já contribui para que as pessoas entendam que existe uma proteção da privacidade e dos dados que foram, previamente, inseridos.

  • Legitimidade 

Esse fator está diretamente ligado com a probabilidade de o usuário ter acesso a conteúdos que são enganosos. Ou seja, quanto mais autêntico for o conteúdo publicado nas redes, maior é o nível de legitimidade observada pelo leitor.

  • Comunidade 

Assim como na vida real, as redes sociais também possibilitam a interação entre pessoas. Isso significa que quanto mais seguro for o ambiente digital, mais as pessoas se sentirão confortáveis para compartilhar conteúdos, publicar questões pessoais ou qualquer ação desse tipo.

  •  Experiência do anúncio

A experiência do anúncio tem haver com o fato de a plataforma mostrar anúncios irritantes ou não aos seus usuários. Ao que tudo indica, quanto menos os usuários receberem anúncios desconfortáveis, melhor será a sua avaliação de confiabilidade sobre a rede social que está sendo utilizada.

  1. Relevância do anúncio 

Já a relevância do anúncio estabelece a experiência vivenciada pelos usuários em relação aos anúncios que são relevantes, ao contrário do que dissemos no parágrafo anterior.

Quer saber mais sobre a pesquisa? 

Caso queira saber um pouco mais sobre a pesquisa, recomendamos a leitura deste artigo. Apenas para adiantar algumas informações, o LinkedIn foi tido como a rede social mais segura pela pesquisa, enquanto o Facebook ficou no último lugar do ranking. 

Para entender melhor sobre o assunto, confiram meu curso completo “Destrave o LinkedIn”.

Nele, eu te ensino detalhe por detalhe de como ter um perfil profissional perfeito no LinkedIn e que muito bem reconhecido:

  • Como criar um perfil ideal;
  • Como os recrutadores fazem suas buscas;
  • Explicação detalhada sobre os filtros do LinkedIn;
  • Como ser permitido a realizar lives no aplicativo e qual a melhor forma de utilizá-las; 
  • Como criar conteúdo para a rede social?

O objetivo do curso é que você  se torne um profissional magnético ao utilizar com inteligência as diferentes ferramentas do LinkedIn. O termo foi cunhado por mim, Carolina Dostal, e se refere aos profissionais que são atraídos por recrutadores, que estão abertos às oportunidades do mercado e que não temem mudar de uma empresa para outra. 

Curtiu o assunto de hoje? Por isso, esperamos que você tenha gostado do conteúdo e não se esqueça: continue acessando frequentemente o site para que você possa ter acesso a todos os conteúdos disponibilizados na plataforma. Até mais! 

Quer tirar o máximo de proveito do LinkedIn? Conheça meu curso online DESTRAVE SEU LINKEDIN.

Caso tenha alguma necessidade específica, entre em contato e agende uma consultoria.

Conteúdo e revisão por Carolina Dostal      

Matéria escrita: Carlos Augusto Júnior