Posso postar assuntos pessoais no LinkedIn?

É recomendável postar assuntos de cunho pessoal no meu LinkedIn? O que devo postar nessa rede social? Muitas pessoas ainda não sabem, mas o LinkedIn te permite fazer uma diversidade de postagem, mas é preciso estar sempre atento ao conteúdo. 

Por isso, neste artigo, Dostal também te dará as principais dicas para ter uma rede social ativa e que te traga grandes oportunidades. Fique sempre ligado às novidades do portal e tenha uma boa leitura! 

Caso também queira ter acesso a todo o conteúdo sobre o tema e outros conteúdos, assista também ao vídeo abaixo, e não se esqueça de se inscrever no meu canal, Carolina Dostal, para ficar sempre atualizado.

Diferente de muitas redes sociais, o LinkedIn é o espaço virtual voltado para assuntos profissionais. Nele, os profissionais compartilham dicas, contam um pouco sobre os bastidores da profissão, procuram e oferecem emprego, dentre várias outras ações. 

Mas uma dúvida que sempre paira sobre muitos usuários é se podemos compartilhar um pouco da nossa vida pessoal e história de vida nessa rede social. De algum modo, é preciso lembrar que, por trás de cada profissional, há uma grande história de superação, de investimento intelectual e de experiências a ser compartilhada, mas a cautela é ferramenta fundamental de qualquer ação, não é verdade?

Nem todo conteúdo é conveniente para post no LinkedIn

Sempre há espaço no LinkedIn para assuntos profissionais, mas isso não significa que possamos postar qualquer conteúdo com cunho pessoal. Uma dica sempre é se perguntar se o propósito desse post é profissional. Caso seja essa a intenção, então vale, sim, a pena investir na publicação mais pessoal.

Outra dica é pensar o seguinte: Facebook e Instagram sempre têm um cunho pessoal. Porém o LinkedIn já é uma rede que foi criada e concebida para assuntos profissionais. Então, se o post trata de um assunto de teor mais pessoal, o que tem acontecido com bastante frequente na pandemia, é sempre importante analisar a conexão do assunto com a questão profissional. Os dois têm que andar alinhados. 

Mudanças geradas pela pandemia

Durante a pandemia, isso ficou ainda mais claro. Nossas casas viraram escritório e as crianças viraram protagonistas de muitas reuniões de emprego. Ou seja, foi impossível a gente separar a vida pessoal da vida profissional. Muitas mães, que estão voltando a trabalhar, não estão sabendo lidar com isso. 

O caso é que muitas delas têm que lidar cotidianamente com a maternidade, com a vida profissional e a vida pessoal. Então, neste sentido, elas discutem esses temas e encontram pessoas que vão se solidarizar com a causa por justamente passarem por isso na vida particular.

Com uma frequência considerável, essas mães publicam no LinkedIn sobre a sua vida pessoal. Mas qual o intuito final dessa publicação? É exatamente encontrar pessoas que vão se interessar por esse mesmo tema, encontrando soluções para o tema e que, no fundo, a solução disso é absolutamente profissional. 

Junte o pessoal ao profissional

Vale frisar que o LinkedIn é uma rede social profissional. Ou seja, soa muito estranho você postar que está tomando um café. No Linkedin, por ser uma rede onde falamos sobre trabalho e negócio, não é conveniente postar conteúdos que não façam parte desse mundo. 

Sempre precisamos nos perguntar o porquê de estar compartilhando tal post. Contudo, se escrevermos o mesmo post para o sentido profissional, vamos cumprir o nosso propósito de inspirar outros profissionais a serem melhores. Portanto, neste caso, o conteúdo estará contextualizado e vai começar a fazer sentido. Um bom exemplo disso é postarmos do seguinte modo: 

“Estou tomando este café porque este café contém vitaminas. Ele foi feito por uma empresa sustentável” 

Assim, o post do café que era absolutamente pessoal, nesta versão, ganha um tom mais profissional. Caso ainda tenha mais dúvidas sobre como deixar o seu LinkedIn mais atrativo, confira o meu curso que se chama Destrave seu LinkedIn. Ele está disponível no Hotmart. O curso te ajuda a encontrar o emprego ideal ou aumentar o número de vendas e serviços ofertados pelo seu negócio. 

Quer tirar o máximo de proveito do LinkedIn? Conheça meu curso online DESTRAVE SEU LINKEDIN.

Caso tenha alguma necessidade específica, entre em contato e agende uma consultoria.

Curtiu o assunto de hoje? Por isso, esperamos que você tenha gostado do conteúdo e não se esqueça: continue acessando frequentemente o site para que você possa ter acesso a todos os conteúdos disponibilizados na plataforma. Até mais! 

Conteúdo e revisão por Carolina Dostal      

Matéria escrita: Carlos Augusto Júnior